O século XIX foi marcado pelo fortalecimento do transporte ferroviário. Na Europa, trens de transporte de passageiros e de carga davam o ritmo do desenvolvimento do velho continente. Enquanto isto, em mosteiros da Abadia, os monges evoluíam na produção de uma das bebidas mais consumidas no mundo: a cerveja. Produção que já ganhava reconhecimento desde meados do século XII.

 

 

A nossa história começa em um destes mosteiros, onde os monges de diversos outros mosteiros se reuniram e iniciaram um tratado de intercâmbio de suas produções. A ferrovia foi base de apoio para que o produto chegasse íntegro ao seu destino, transportado em um vagão específico, conhecido como vagão do monge

 

 

Inspirado nesta história, trazemos para o Brasil um novo conceito de empreendimento denominado Vagão do Monge. Um beer truck idealizado na rusticidade dos trens antigos e que participa de festas e eventos trazendo o que há de melhor em cervejas produzidas artesanalmente.

 

 

Nossa História